TVI corta negociações com Marco Paulo. Canal fala em ação “tosca e grosseira”

A TVI confirma que houve reuniões entre diretores e Marco Paulo, mas garante que as mesmas partiram do cantor. O canal fala em “tentativa tosca e grosseira” de aumentar o valor de mercado do artista.

26 Mar 2021 | 20:25
-A +A

A TVI confirma que, tal como a TV 7 Dias avançou em exclusivo e primeira mão, estava em negociações com Marco Paulo. Em comunicado, a estação de Queluz de Baixo garante, contudo, que partiu do próprio cantor reunir-se com responsáveis do canal, “num momento de negociação do seu contrato que possa estar a ocorrer com outro canal televisivo”. Leia-se SIC.

“Foi o cantor Marco Paulo que, por sua iniciativa, abordou a TVI no sentido de se disponibilizar para uma eventual colaboração com o canal e a seu pedido que se realizarem reuniões com alguns dos responsáveis do grupo”, afirma a estação. 

A TVI manifesta ainda a sua “estranheza” com fotografias divulgadas, entretanto, pelo Correio da Manhã. Nelas, podem ver-se o popular artista a reunir-se com Cristina Ferreira, a Diretora de Entretenimento e Ficção, e outros responsáveis do canal. “Leva-nos a crer que por trás desta ação poderá existir uma tentativa tosca e grosseira de especulação sobre o valor de mercado de Marco Paulo”, diz.

A mesma publicação falou ainda num suposto almoço entre Marco Paulo e Mário Ferreira. A TVI garante que tal encontro com o Presidente do Conselho de Administração da Media Capital “é falso”.

Desta forma, a estação encerra as negociações que tinha em curso com o cantor. “Desejamos muita sorte a Marco Paulo na sua carreira que merece de todos nós o maior respeito e reconhecimento, mas reafirmamos que não existe qualquer interesse, nem no presente, nem no futuro, da parte da TVI na sua contratação e eventual colaboração com o canal, evitando assim a continuidade de notícias meramente especulativas, lesivas e falsas”, remata a TVI na missiva.

 

Texto: Dúlio Silva; Fotos: reprodução redes sociais

PUB