Cristina Ferreira não convence e perde para a SIC. Marco Paulo dá recorde a “Júlia”

Cristina Ferreira ganhou a Fernando Mendes na estreia de “Cristina ComVida”, mas perdeu para as novelas da tarde da SIC. Antes, Marco Paulo deu o melhor share ao programa de Júlia Pinheiro.

30 Mar 2021 | 13:15
-A +A

A estreia do novo programa de Cristina Ferreira, “Cristina ComVida”, não foi líder de audiências. O novo trunfo da TVI para a faixa de acesso ao horário nobre conseguiu vencer à tangente “O Preço Certo”, da RTP1, mas não teve uma audiência suficiente para bater os trunfos da SIC contra os quais concorreu: o final do episódio de “Viver a Vida” e o capítulo de “Êta Mundo Bom!”.

Em média, 793 mil e 700 espectadores acompanharam a também Diretora de Entretenimento e Ficção da estação de Queluz de Baixo a abrir as portas da sua nova casa, o correspondente a um rating de 8,4%. “Cristina ComVida” registou uma quota de mercado de 18,4%.

Fernando Mendes ficou ligeiramente abaixo, com 7,8% de audiência média e 17,3% de share. Líder confortável, “Êta Mundo Bom” assinalou 10,7% de rating e 22,1% de quota de mercado.

 

Marco Paulo dá melhor share ao programa de Júlia Pinheiro

 

Destaque ainda para “Júlia” numa emissão em que a apresentadora que dá nome ao programa das tardes da SIC recebeu a atriz Alexandra Lencastre, que foi relatar a sua luta contra a COVID-19, e o cantor Marco Paulo, que contou a sua “verdade” na polémica que envolveu a ele e à TVI. Júlia Pinheiro foi vista, em média, por 496 mil e 200 espectadores e marcou 19,3% de share – a melhor do ano -, ficando a uma distância considerável dos concorrentes “Goucha” (TVI) e “A Nossa Tarde” (RTP1)

De manhã, “Dois às 10”, apresentado por Maria Botelho Moniz e Cláudio Ramos, venceu “Casa Feliz”, conduzido por Diana Chaves e João Baião. O matutino da TVI obteve uma audiência média de 443 mil e 100 espectadores e uma quota de mercado de 21,8%, enquanto o rival registou 406 mil e 200 espectadores e 20% de share. “Praça da Alegria”, com Sónia Araújo e Jorge Gabriel, na RTP1, ficou-se pelo 194 mil e 400 espectadores e 9,8% de quota de mercado.

 

SIC novamente na liderança das audiências

 

A ficção nacional da SIC voltou a liderar no horário nobre, com “Amor Amor” e “A Serra” no top 3 dos programas vistos do dia, e, no final da final, com o fim dos “Extras” do reality show da TVI “Big Brother – Duplo Impacto”, o programa da SIC “Passadeira Vermelha” regressou à preferência dos espectadores.

Nas contas gerais do dia, a SIC manteve o título de canal mais visto pelo público, com 20,6% de share, contra os 17,6% obtidos pela TVI e os 10,9% registados pela RTP1.

 

Texto: Dúlio Silva; Fotos: reprodução redes sociais

PUB
Top