Carina Ferreira FALA sobre distúrbio alimentar: «COMI este mundo e o outro ATÉ ENJOAR»

Depois de ter sofrido de anorexia, Carina Ferreira continua a luta constante contra as ânsias alimentares. A ex-Casa dos Segredos desabafa sobre o sofrimento de refugiar-se na comida.

25 Fev 2019 | 15:40
-A +A

Carina Ferreira tem adoptado um estilo de vida saudável, desde a alimentação ao exercício físico. Mas, como qualquer pessoa, confessa ter as suas quebras e momentos menos bons.

Este domingo, dia 24 de feverereiro, a ex-concorrente da casa mais vigiada do país utilizou as Instastories para desabafar sobre um problema que a afeta sempre que está mais em baixo.

Veja também: Carina Ferreira AQUECE a Internet EM LINGERIE!

«Ontem não disse nada, não foi um dia bom para mim. Quando não tenho um dia bom, refugio-me», começa por dizer. «Eu sou ótima pessoa, mas se eu desaparecer por uns tempos não estranhem. Naão foi um dia fácil, todos nos temos esses dias, em que nem nos apetece sair de casa».

«Quanto mais triste ou mais revoltada eu estiver, mais me refugio na comida»

A nortenha confessa que sempre que está com um «problema» ou «triste» acaba por «comer desalmadamente». Carina relembra os anos de 2013 e 2014, que foram especialmente difíceis após ter sofrido com duas mortes de pessoas muito próximas e seguidas, uma da melhor amiga e outra do afilhado.

«Por norma, quando existem esses momentos maus na vida, há pessoas que não têm apetite e por vezes perdem imenso peso. O desgosto não lhes dá para comer…a mim é precisamente o contrário! Quanto mais triste ou mais revoltada eu estiver, mais me refugio na comida».

«Gostava de ser uma pessoa normal»

Apesar de já terem passado muitos anos desde que sofreu de anorexia, Carina confessa que a sua ligação com a comida «ainda não está bem resolvida»- «Sempre tive esse drama com a comida. Espero que um dia isto se resolva. Não é grave, mas gostava de ser uma pessoa normal».

Veja também: Carina Ferreira NÃO QUER TER FILHOS: «Não tenho paciência para crianças»

Este sábado, Carina voltou a cair em tentação. «Ontem comi este mundo e o outro…até enjoar!», desabafa.

«Estou a falar para pessoas que já sofreram de distúrbios alimentares e eu já sofri de anorexia. Sei o quanto é difícil. Uma pessoa que sofreu disso em tempos, nunca tem a melhor ligação com a comida. Já passaram tantos anos e não tenho aquela ligação com a comida que gostaria de ter», afirma.

Texto: Redação WIN Conteúdos Digitais/ Fotos: Arquivo Impala e DR

PUB
Top